quarta-feira, 18 de setembro de 2013

MAIS UMA LAMBANÇA DO IBAMA - SERÁ IGUAL AO PAPAGAIO?


Quando obras (principalmente do governo) destroem o meio ambiente em nome do progresso,
Quando estas obras provocam tamanho desequilíbrio na natureza que começam a acontecer coisas
Como as que estão ocorrendo em Pontezinha (galinhas mortas) provavelmente atacadas por animais
Cujo habitat foi agredido na destruição de parte do mangue e mata para duplicação da ferrovia,
Quando os grandes empresários querem construir uma estrada margeando um rio provocando mais
Desequilíbrio com a supressão de 10Km de mangue (considerado berçário);
O IBAMA dá licença e ainda convence (tecnicamente) a corja responsável que aprova os projetos, por que papai quer ninguém reclama agora, quando uma pessoa já cuida de uma animal dez anos , portanto, desabituado com a vida livre o Glorioso IBAMA (protetor dos animais), proíbe, arranca do cuidador seu amigo e companheiro

Atira-o numa gaiola e promove uma morte lenta e cruel, será que não passa na cabeça desses bagres do IBAMA que ações como esta vão provocar a morte do animal e danos a pessoa que durante dez anos deu-lhe todo amor a carinho?

O pior de tudo é que aparece na TV um abestado com nome de Doutor biólogo com frases fabricadas para encher lingüiça, tenha vergonha na cara, você sabe que depois de todo este tempo este animal não sobreviverá na natureza, ou será que será enviado para a fazenda de um FDP deputado para enfeitar seu jardim até que morra de saudades de sua amiga pela qual chamava pelo nome.  
IBAMA E CPRH são muito eficientes. Quando defende os interesses do Estado ou dos ricos.  
Que compensação a comunidade dePontezinha receberá  pelo impacto ambiental da obra de duplicação da linha férrea, pelos trasntornos causados por caminhões carregados de barro derramando pelas ruas. 
Porque o IBAMA E CPRH não promoveram nenhum contato com a comunidade explicando os impactos da obra, seus pontos positivos e negativos e quais contrapartids e compensações a comunidade receberia? Não! Para isto IBAMA E CPRH se fazem de cegas, surdas e mudas. Quantas pessoas de Pontezinha trabalham na obra (é lei), o que a CBTU expos a comunidade e o que dará em compensação? O VLT? Um trem de roupa nova? A comunidade de Pontezinha é ordeira e pacífica mais merece todo o respeito e isto não esta recebendo. Como ficará se começarmos a impedir o trafego de veículos da obra? Impedir máquinas de trabalhar? Seremos vândalos? Não! Vândalos são CBTU, IBAMA, CPRH   que sequer chamaram a comunidade ou as entidas organizadas para conversar e expor os benefícios e sacrifícios exigidos dela para um bom andamento da obra.
Fica o aviso!  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.