quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

BRASIL FICA FORA DOTRATADO ANTI CORRUPÇÃO, NOVIDADE!

Matéria: Estadão.com.br

Jamil Chade, correspondente em Genebra
GENEBRA - O Brasil ficou de fora do acordo de licitações públicas, considerado pela Organização Mundial do Comércio (OMC) como um tratado "anticorrupção". Países ricos assinaram nesta quinta-feira, 15, uma ampliação do entendimento que já tinham, garantindo abertura do mercado de compras governamentais e estabelecimento de regras para garantir a transparência nos contratos.
"Esse acordo é um instrumento contra a corrupção" , afirmou o diretor-geral da OMC, Pascal Lamy. Para Michel Barnier, comissário da Europa, o acordo garantirá uma abertura de mercados de 600 bilhões de euros. Em declarações ao 'Estado', insistiu que americanos e europeus esperam a adesão do Brasil. "Todos temos muito a ganhar", disse.
O chanceler Antonio Patriota, porém, insistiu que o acordo "não era de interesse do Brasil". O motivo, segundo ele, é a natureza do acordo, restrito a um grupo pequeno de países. O Brasil ainda insiste que antes de mais nada quer abrir seu mercado de compras governamentais primeiro aos países latino-americanos.
A reserva de mercado tem sido alvo de cobiça internacional. Afinal, com Copa do Mundo e Jogos Olímpicos, empresas europeias e americanas acreditam que poderiam ter fortes ganhos no Brasil.
Hillary. Patriota rejeitou a tese de que isso seria um sinal de que o Brasil não está interessado em acordos que combatam a corrupção. "Mais comprometidos que estamos nisso?" questionou.
Segundo ele, a secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, virá em março ao Brasil para participar de uma reunião ministerial para fortalecer o projeto de combate à corrupção no setor público, liderado pelos presidentes Barack Obama e Dilma Rousseff .

ALBERTO FIGUEIREDO
16 de Dezembro de 2011 | 3h50
Lendo os comentários feitos Fabio tem toda razão. Depois de o supremo (minúsculo mesmo) mostrar porque e para que esta lá, quem quiser que pense em outras saídas, para mim só bala, muita bala resolve. Sai um ladrão, a quadrilha tem mil qualificados para assumir. Para continuar sendo o palhaço na história, sendo roubado e feito de idiota por uma corja sem tamanho, quem quiser achar ruim que ache, eu quero aquilo que vocês chamaram de ditadura de volta, com uma única condição: Dessa vez não mandem as cobras engordarem fora do país, matem e estourem os ovos, seus cagões! E vejo se confirmar cada dia que só existe esta saída para o Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.