sexta-feira, 25 de novembro de 2011

VEM AI O NOVO MEIO DE TRANSPORTE: MÃO LEVE SOBRE TRILHOS

Notícia de primeira mão do blog do coronel:

sexta-feira, 25 de novembro de 2011
Após as denúncias de irregularidades em obras da Copa, o líder do DEM no Senado, Demóstenes Torres (GO), afirmou nesta sexta-feira (25) que a chamada "faxina" do governo precisa atingir até a presidente Dilma Rousseff. Segundo ele, há um "conluio" para "roubar o Brasil". A Folha mostrou hoje que diante da pressão de governadores, Dilma ordenou ao Ministério das Cidades que mudasse a toque de caixa projetos de transportes para a Copa 2014.

Com isso, as cidades de Salvador (BA) e Cuiabá (MT) puderam trocar o BRT (ônibus em corredores exclusivos) por sistemas mais caros e demorados, como metrô e VLT, o Veículo Leve sobre Trilhos. "As denúncias são gravíssimas. Só em uma delas, há um prejuízo de R$ 700 milhões e foi feito por determinação da presidente. Tem de ser feita uma faxina para tirar presidente e não só ministro. Há um conluio para roubar o Brasil", disse Torres. 

O Palácio do Planalto e o Ministério das Cidades negam que tenha havido qualquer pressão política para que os setores técnicos aprovassem a mudança no projeto de sistemas de transportes proposto pelos governos da Bahia e de Mato Grosso. O líder do governo, Romero Jucá (PMDB-RR), saiu em defesa do Planalto e disse que o Ministério das Cidades está apresentando seus esclarecimentos. Ele disse que vai aguardar os desdobramentos do caso para avaliar se o ministro terá que vir ao Congresso dar explicações. Ele disse que ainda não é o momento e sinalizou que isso não deve ocorrer. Segundo Jucá, o fim de ano já está "bastante tumultuado".(Da Folha Poder)
NOTA DO AUTOR DO BLOG: QUANDO ELE DISSE NINGUÉM OUVIU, QUEM OUVIU, FEZ QUE NÃO OUVIU. EM ALTO E BOM SOM ACM DISSE COM TODAS AS LETRAS, QUEREM PRENDER LADRÃO, O MAIOR DELES ESTA NA CASA AO LADO (O PLANALTO). O QUE LE DISSE CONTINUA VALENDO!  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.