sábado, 27 de maio de 2017

Meu tempo seu tempo (2011) e hoje? Todos tem mais liberdade. Por isso deu-se esta merda. Não é liberdade é libertinagem.

Comparativo entre os anos de 1959 e 2011

Cenário 1: João não fica quieto na sala de aula. Interrompe e perturba os colegas.
Ano 1959: É mandado à sala da diretoria, fica parado esperando 1 hora, vem o diretor, lhe dá uma bronca descomunal e até umas reguadas nas mãos e volta tranqüilo à classe. Esconde o fato dos pais, com medo de apanhar mais. Pronto. Caso encerrado.
Ano 2011: É mandado ao departamento de psiquiatria, o diagnosticam como hiperativo, com transtornos de ansiedade e déficit de atenção em ADD. O psiquiatra receita  Rivotril. Transforma-se num zumbi. Os pais reivindicam uma subvenção por ter um filho incapaz e processam o colégio, conseguindo uma indenização.

Cenário 2: Luis, de sacanagem, quebra o farol de um carro, no seu bairro.·      
Ano 1959: Seu pai tira a cinta e lhe aplica umas sonoras bordoadas no traseiro. Não passa pela cabeça de Luis  fazer outra bobagem. Cresce normalmente, vai à universidade e se transforma num profissional de sucesso.
Ano 2011: Seu pai tira a cinta e lhe aplica umas sonoras bordoadas no traseiro. Prendem o pai de Luis por maus tratos e o condenam a 5 anos de reclusão. Por 15 anos deve abster-se de ver seu  filho. Sem o guia de uma  figura paterna, Luis se volta para a droga, delinqüe e fica preso num presídio especial para adolescentes. 
 Cenário 3: José cai enquanto corria no pátio do colégio e machuca o joelho.
Ano 1959: Sua professora Maria, o encontra chorando e o abraça para confortá-lo... Rapidamente, João se sente melhor e continua brincando.
Ano 2011: A professora Maria é acusada de negligencia no cuidado com as crianças. José passa dois anos em terapia pelo susto e seus pais processam o colégio por danos psicológicos e a professora, por sua negligência, se vê forçada a renunciar à docência. Entra em aguda depressão e se suicida...
Cenário 4: Disciplina escolar· 
Ano 1959: Fazíamos bagunça na classe... O professor nos dava uma boa "mijada" e/ou encaminhava para a direção; chegando em casa, nosso velho nos castigava sem piedade e no resto da semana não incomodávamos mais ninguém.
Ano 2011: Fazemos bagunça na classe. O professor nos pede desculpas por repreender-nos e fica com a culpa por fazê-lo. Nosso velho vai até o colégio dar queixa do professor e para consolá-lo compra uma moto para o filhinho.
 Cenário 5: Horário de Verão.
Ano 1959: Chega o dia de mudança de horário de inverno para horário de verão. A passagem é tranquila. Nada acontece.
Ano 2011: Chega o dia de mudança de horário de inverno para horário de verão. A gente sofre transtornos de sono, depressão, falta de apetite e nas mulheres aparece até celulite.

Cenário 6: Fim das férias.
Ano 1959: Depois de passar férias com toda a família enfiados num Dauphine ou num Fusca, é hora de voltar após 15 dias de sol na praia. No dia seguinte se trabalha e tudo bem.
Ano 2011: Depois de voltar de Cancun, numa viagem 'all inclusive', terminam as férias e a gente sofre da síndrome do abandono, "panic attack", seborréia, e ainda precisa de mais 15 dias de readaptação... 
Cenário 7: Saúde.
Ano 1959: Quando ficávamos doentes, íamos ao INPS, aguardávamos 2 horas para sermos atendidos, não pagávamos nada, tomávamos os remédios e melhorávamos.
Ano 2011: Pagamos uma fortuna por um plano de saúde. Quando sofremos uma distensão muscular, conseguimos uma consulta VIP para daqui a ... 3 meses. O médico ortopedista vê uma pintinha no nosso nariz, acha que é câncer, nos indica um amigo dermatologista, que pede uma biópsia, e nos indica um amigo oftalmologista, porque acha que temos uma deficiência visual.  Fazemos quimioterapia, usamos óculos e depois de dois anos e mais 15 consultas, melhoramos... da distensão muscular. 
Cenário 8: Trabalho.
Ano 1959: O funcionário era "pego" fazendo cera (fazendo nada). Tomava uma boa regada do chefe, ficava com vergonha e voltava a trabalhar.
Ano 2011: O funcionário pego "desestressando" é abordado gentilmente pelo chefe que pergunta se ele está passando bem. O funcionário acusa-o de bullying e assédio moral, processa a empresa que toma uma multa, o funcionário é indenizado e o chefe é demitido.

Cenário 9: Assédio.
Ano 1959: A colega gostosona recebe uma cantada de Ricardo. Ela reclama, faz charminho mas fica envaidecida, saem para jantar, namoram e se casam.
Ano 2011: Ricardo simplesmente admira as pernas da colega gostosona quando ela nem está olhando. Ela o processa por assédio sexual. Ele é condenado a prestar serviços comunitários. Ela recebe indenização, terapia e proteção paga pelo estado. 
Cenário 10: Comportamento.
Ano 1959:
Homem fumar era bonito, dar o rabo era feio.
Ano 2011:
Homem fumar é feio, dar o rabo é bonito.
--
"Use o Esporte, Futebol em particular, para fazer amizades. Não brigue não mate, não morra!" Sérgio Bastos



COMEÇOU A TEMPORADA DE BAIXARIAS, COMO SE AS PALAVRAS DITAS E ACUSAÇÕES FEITAS TROUXESSEM À LUZ ALGO QUE NÃO SABEMOS MESMO BEM MOÍDO NÃO SE CONSEGUE TIRAR NADA QUE PRESTE E DEIXAM À MOSTRA UM CERTIFICADO DE INCOMPETÊNCIA E ÉTICA MUITO VALORIZADO NO IMUNDO MUNDO DA POLÍTICA. 

sábado, 20 de maio de 2017

O AMOR SUPERA TUDO A UNIÃO ELEVA O AMOR A PATAMARES DIVINOS

video
O amor supera tudo! Mais a união eleva o amor a patamares divinos, por isso a expressão "unidos jamais seremos vencidos" tem tanto peso e quanto muitos de unem em torno de um ideal nada pode impedir o avanço até a meta, o objetivo principal. O bem estar coletivo. Unidos somos muito mais que polícias ou exércitos, somos povo. E juntos sem precisar de ninguém para nos mostrar caminhos (exceto Deus) somos imbatíveis, somos a pátria. A mãe gentil que abraça, acolhe, alimenta e permite viver como verdadeiros seres humanos íntegros e cientes de nossos deveres e obrigações para com nossos irmãos, filhos e netos. Unido, o povo não carece de Generais, Presidentes sem vergonhas, Senadores e deputados ladrões ou falsos patriotas. Porque a pátria são nossas lembranças, nossas alegrias, tristezas, derrotas e vitórias é a alegria dos nossos entes queridos e o sangue derramado dos nossos antepassados. Enfim é o que construímos com nossas dores, alegrias, suores e lágrimas para deixar como herança aos nossos filhos e netos. De mãos dadas somos o Brasil. Que não será destruído por Lulas, Dilmas,  Aécios, Paloccis, JBSs, e milhares de filhos apátridas. Somos nós a força máxima. Se de onde deve vir a justiça não vier, será feita.     

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Não há mais o que esperar, esta provado que o poder esta podre. Agora vão tirar um rato e colocar outro. Para Brasília senhores! Limpar a sujeira. E desta vez matem as cobras e estourem os ovos.


quinta-feira, 11 de maio de 2017

Não perca esta oportunidade!

INTERESSADOS PODEM VER OS LOTES NO SÁBADO 13/05 - 15:00 NA ESQUINA DA PANIFICADORA SANTA BÁRBARA EM CURCURANA.
Ótimo investimento
À vista
Lotes 10 x 30 metros = 20.000,00 
Lotes 10 x 20 metros = 15.000,00
Pode ser parcelado. 
(81) 98840.1046 - 3479.6742.
Grugi - Quadra "U"


domingo, 7 de maio de 2017

MERECE RESPEITO?

Odilon Perret
ESCLARECIMENTO
Existe uma falsa expectativa de que no dia 10 o Juiz Sergio Moro , condene e prenda o Lula . Não acontecerá , nem uma coisa nem outra , pois a lei não permite . Ele será apenas ouvido sobre as acusações à ele imputadas, interrogado pelo Juiz e apresentará sua defesa . Nada mais do que isso , salvo se o meliante desacatar ou ofender a honra ou dignidade do Juiz .( prisão por desacato a autoridade). Depois dessa audiência , Moro terá que ouvir as 87 testemunhas arroladas pela defesa , com a finalidade de atrasar a sentença . A defesa do Lula recorreu da decisão do Moro para que o Lula tivesse presente nessas 87 audiências e TRF , deu ganho de causa ao Lula que ficou livre da determinação do Moro . Terminado o processo dos depoimentos das testemunhas e as demais formalidades , é que o Juiz vai sentenciar . Mesmo que for condenado , não será preso até o julgamento do seu recurso no TFR em Porto Alegre . Caso confirmada a sentença pela jurisprudência do STF ( condenação em duas instâncias o réu poderá ser preso ) porém , tendo Lula mais de 70 anos não irá para o presídio e cumprirá a pena nas condições que forem impostas pelo TFR , até o julgamento do STJ à quem irá recorrer . Caso não haja mais recurso , ele , confirmada a condenação , pelas razões expostas , cumprirá a pena em liberdade nas condições impostas pelo o STJ . A condenação , neste caso do Triplex e o armazenamento dos bens pagos pela Odebrecht só resultará de positivo , caso a condenação seja confirmada , na perda dos seus direitos políticos pelo tempo determinado pela condenação . Depois é que vão ser abertos os três outros processos em que foi declarado réu .
Entendi necessário fazer esses esclarecimentos , para não que não fiquem frustados aqueles que não conhecendo o Código de Processo Penal, venham fazer um julgamento precipitado do Juiz Sérgio Moro .
Por outro lado , salvo melhor juízo , o desejo de uma ampla parte dos brasileiros de verem esse criminoso nas grades do presídio , não tem amparo legal . Sabendo disso por seus advogados , é que esse marginal anda percorrendo o Brasil afirmando que jamais o prenderão !
Essa é a verdade decorrente da Lei Penal brasileira . Claro está que exequivel para os poderosos que podem contratar pelos milhões que nos roubaram grandes advogados com trânsito nos nossos Tribunais . O caso do José Dirceu é típico . Foi condenado a 31 anos de prisão em regime fechado e está lépido e fagueiro em liberdade condicional , morando em luxuosa cobertura em Brasília .
Esqueçam portanto , no dia 10 o Lula não será nem preso , nem condenado , lamentavelmente !!!!
By...Paulo KB.
Florianópolis ·