sábado, 3 de outubro de 2015

O PRIMEIRO DEPUTADO FEDERAL CABENSE! O VERDADEIRO PRIMEIRO.


Oswaldo Lima Filho
 OSWALDO CAVALCANTI DA COSTA LIMA FILHO

Nascimento: 26/04/1921, Cabo de Santo Agostinho, Pernambuco, Brasil

Filiação: Oswaldo Cavalcanti da Costa Lima (magistrado e político) e Judith Jatobá

Casamento: Jaci Ferreira (6 filhos)

Falecimento: 11/11/1994, Recife, Pernambuco, Brasil

Causa: Complicações cardíacas

CONFIANÇA É COMO O VIDRO, QUEBROU, NÃO FICARÁ IGUAL A ANTES JAMAIS. "O PRIMEIRO DEPUTADO FEDERAL DO CABO" O VERDADEIRO E REPAREM A DIFERENÇA DE DADOS, CONDUTA E MORALIDADE.
Osvaldo Cavalcanti da Costa Lima Filho[1] (Cabo de Santo Agostinho, 26 de abril de 1921 — Recife, 11 de novembro de 1994). Membro da Ação Integralista Brasileira (AIB) entre 1937 e 1938, no ano seguinte entrou para a Faculdade de Direito do Recife, bacharelando-se em 1943. Em 1944 foi nomeado promotor público de Surubim e, em outubro do mesmo ano, foi convidado a chefiar a Delegacia do Departamento de Ordem Política e Social – DOPS, de Pernambuco.
SUA VIDA E TRAJETÓRIA:
1921 - No dia 26 de abril, nasce Oswaldo Lima Filho, na cidade do Cabo de Santo Agostinho, filho do promotor e juiz municipal Oswaldo Cavalcanti da Costa Lima e de dona Judith Jatobá da Costa Lima.
1940 - Forma-se no Curso de Direito da Faculdade de Direito do Recife.
1942 - Chega à parente de sargento quando serviu ao Exército Brasileiro na Companhia Independente de Guardas.
1946 - É eleito deputado estadual (PSD), sendo constituinte em l947.
1950 - É reeleito deputado estadual pelo PSD.
1954 - É eleito deputado federal, sendo fundador da Frente Parlamentar Nacionalista.
1958 - Reeleito para a Câmara dos Deputados, quando participa da elaboração do programa partidário baseado nas reformas de base e chega à liderança do PTB.
1962 - É eleito para um terceiro mandato federal, sendo vice-presidente da Câmara dos Deputados.
1963 - Combate no Congresso a compra, pelo Governo, das empresas American Foreign Power e da subsidiária da ITT. Aceita convite do presidente João Goulart para assumir o Ministério da Agricultura, onde facilitou o crédito aos pequenos proprietários rurais, entre outras iniciativas pioneiras.
1964 - Na eclosão do golpe militar de l964, acompanha Goulart até o Rio Grande do Sul, retornando em seguida a Brasília onde, no dia 3 de abril, pronuncia no Congresso seu célebre discurso A revolução de 1º de abril.
1966 - É reconduzido à Câmara, quando acompanha a articulação da chamada Frente Ampla. Assume a secretaria geral do MDB estadual.
1967 - É escolhido líder do MDB na Câmara dos Deputados, ocasião em que, ainda como secretário geral do MDB local, consegue reunir e organizar a oposição.
1969 - Tem seus direitos políticos cassados pelo regime, vindo a retomar suas atividades como advogado, no Recife.
1979 - Recupera seus direitos políticos, com a decretação da Anistia. Participa do Encontro de Lisboa, que reuniu trabalhistas em oposição ao regime.
1982 - Reelege-se deputado federal, agora pelo PMDB, tendo redigido o manifesto da Segunda Frente Parlamentar Nacionalista.
1984 - Passa a apoiar a candidatura de Tancredo Neves à Presidência da República, e a participar da campanha das Diretas Já.
1987 - Não se reelege para a Câmara, mas chega à Casa como primeiro suplente, substituindo o deputado eleito Marcos Queiroz. Passa a ser relator da Comissão de Reforma Agrária. Recebe nota 10 pelo seu trabalho constituinte, conferido pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP).
1989 - Compõe a Comissão Mista do Congresso para a auditagem da dívida externa brasileira.
1990 - Começa a escrever seu livro de memórias, publicado em l991. Filia-se ao Partido dos Trabalhadores (PT), quando ajuda a elaborar documento com diretrizes da política do candidato a presidente, Luiz inácio Lula da Silva, para o Nordeste.
1994 - Em 10 de novembro, Oswaldo Lima Filho veio a falecer, aos 73 anos, de complicações cardíacas, após longo embate jurídico em defesa do prédio histórico do Hospital da Tamarineira, no Recife, então ameaçado de se transformar num shopping center. 
UM CABENSE CUJA VIDA PÚBLICA É RECONHECIDA EM TODO BRASIL E NO RECIFE, HOMENAGEADO EM NOME DE RUAS, PRAÇAS, ESCOLAS e em sua terra natal?
Em sua terra natal seus conterrâneos, aceitam um mentira e o esquece, ACEITA E COMPARTILHA DE MAIS UMA MENTIRA, ENFIADA GOELA A BAIXO DO POVO PELOS GÊNIOS MARQUETEIROS QUE TRANSFORMAM URUBUS EM BEIJA FLORES.
PRIMEIRO DEPUTADO FEDERAL DO CABO DE SANTO AGOSTINHO
OSVALDO CAVALCANTI DA COSTA LIMA FILHO - SEM MENTIRAS!

ATENÇÃO!
ESTA POSTAGEM NÃO INDICA QUE OUTROS NÃO TENHAM A MESMA POSTURA, QUANDO NÃO SE TEM PROJETO PARA A CIDADE E SEU POVO O MARKETING COLOCA AUREOLA VESTE DE PUREZA ATÉ A MAIS VIL PROSTITUTA.
Marcos Almeida Marcos Almeida com Nilson Gabriel e outras 46 pessoas
O PSDB faz uma solenidade festiva, nesta sexta-feira (2), para comemorar a filiação de Joaquim Francisco ao partido. Coordenado pelo presidente estadual da legenda, Antônio Morais, o evento começa às 11h, na sede dos tucanos, na rua Viscondessa do Livramento, Derby. O mais novo tucano de Pernambuco deverá reunir amigos e políticos de variados partidos na festa tucana. Já confirmaram presenças os três deputados federais, Bruno Araújo, Daniel Coelho e Betinho Gomes. [ 243 more words. ]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.