sábado, 10 de setembro de 2011

ASSIM É O TRANSITO EM PONTEZINHA

ESTA É UMA IMAGEM CORRIQUEIRA EM PONTEZINHA. VEÍCULOS DE GRANDE PORTE EM SERVIÇO DE CARREGO OU DESCARREGO NA HORÁCIO FERRAZ TRANSFORMAM O TRANSITO QUE JÁ É CAÓTICO NUM INFERNO.
QUANDO UM CIDADÃO, NESSE CASO, EU LIGA PARA O COMANDO DA GUARDA PEDINDO QUE VENHAM À PONTEZINHA PARA ORGANIZAR O TRANSITO, RECEBE NA CARA: ISSO É HORA DE FAZER GRACINHA, VÁ APRENDER A SER HOMEM CARA!
Esta recepção foi a que tive quando liguei para a guarda informando que o transito tinha virado zona, virado não, zona já é, nunca tem um guarda sequer para orientar os motoristas.
Estas fotos foram tiradas hoje 11/09, hoje a guarda se fez presente é dia de desfile da  semana da pátria,

apenas chegou tarde a zona já estava feita, graças a ação rápida e precisa o desfile foi lindo, veja na foto.
Desfile espremido, o que será que houve?
Sobre o atendimento que tive segue abaixo, devidamente comunicada aos responsáveis pela guarda, não publicado antes na esperança de receber alguma atenção, como não foi o caso...
Estou seguindo parte da ordem do agente que me atendeu no dia em questão, levando ao conhecimento do povo. Cuidado quando ligar para a guarda, alguém pode mandar você aprender a ser homem, e com certeza lá é que não podem ensinar.



  • Que se pode dizer disso?‏

31/08/2011
Para Luiz Pereira Secretário do OP, Lula LIma
Hoje, 31 de agosto de 2011, às 07:00, pontualmente liguei para a guarda municipal solicitando mais uma vez providências quanto aos engarrafamentos na Avenida vereador Horácio Ferraz Cavalcanti, provocado principalmente por veículos de grande porte em operação de carga e descarga em horário de pico, como no caso.
O agente da GM me atendeu bem e solicitou o endereço, forneci e para evitar que qualquer outro cidadão fosse confundido, e por não ser a primeira nem a décima vez que eu comunicava este fato lamentável, visto que não existem mais os GMs que, mesmo demonstrando serem incapazes de manter o transito ordenado, fossem, quer por reduzido efetivo, visto a tamanho do trecho a ser coberto e piorado ainda pela falta de estrutura da via, ainda resolviam alguma coisa, agora sem eles ficou muito pior, informei ao agente que esta solicitação também seria repassada aos jornais na tentativa de que alguma providência fosse tomada, levando-se em conta o poder da mídia.
O mesmo agente que havia me atendido bem, falou que eu fizesse o que desejasse, mas, que não deveria ligar tão cedo fazendo piadas e que deveria procurar aprender a ser homem e desligou.
Voltei a ligar, não atenderam, troquei de aparelho, fui atendido e perguntei se era o mesmo agente que havia me mandado aprender a ser homem, a reposta foi: Espere ai. Foi você voltei a perguntar? Espera ai em tom bem mais elevado, não demonstrando que fosse saber receber alguma informação mais como se quisesse me calar.
Então respondi, espera ai não! Quero saber se foi você que me mandou aprender a ser homem. Linha desconectada.
Procurei saber se foi ele porque desejo fazer o que ele me pediu. Aprender a ser homem, mesmo que é muito duvidoso que pudesse ser com ele e com muitos outros da corporação, pois, para gente assim “ser homem” é poder enfiar a mão na cara de outro e estar de posse de uma arma e não, ter honra moral, caráter e ser “Homem” para dizer o que pretende fazer evitando o anonimato.
Mesmo que eu tivesse agido errado não deveria ser dessa forma que da Guarda Municipal  atender aos contribuintes.   
Resolvi assim, não enviar o filme do caos no momento para os jornais e blogs do Cabo, e, está descartada a possibilidade de ser publicada alguma coisa com referencia a este fato, pois assim estaria maculando a imagem da guarda pelo despreparo de um dos seus membros.
O fato morre aqui, apenas comunicando aos seus responsáveis e se possível, gostaria de obter alguma resposta sobre fato tão lamentável.    
Alberto Figueiredo – (81) 3479.2986 / 8859.9178               
Alberto Figueirêdo          

3 comentários:

  1. Devias enviar este assunto não só para o jornal do Cabo, como para os do estado. Lá tambem deve existir salafrário como este que te atendeu.
    Só para lembrar; hoje é dia 10.

    ResponderExcluir
  2. Graças à amiga. Correção
    HOJE DIA 10/09/2011 - DIA DO DESFILE DA SEMANA DA PÁTRIA EM PONTEZINHA.
    Não tenha dúvida, procurei de todas as formas receber um pouco de atenção, ninguém me respondeu, prova emails enviados.
    Quisera fosse apenas este o maior erro de tratamento no atendimento aos cidadãos.
    Na guarda existem homens íntegros, que infelizmente pagam alto preço pelo despreparo de homens que acham que colocar umas fardas, andarem em carros de luxo (pagos pelo povo) e ter uma arma (oficial ou não) os torna mais homem. Sinto por pessoas como Carvalho, homem de bem, Lula Lima, Luiz Pereira e Lula Cabral.
    É o preço pago por alianças.
    Infelizmente esta matéria não tem o peso e a importância das duas que virão na segunda e quarta feira, esta se possível adiantarei.
    Uma atingirá a cheio os nossos representantes, que deveriam estar de olhos abertos e buscar que não fossemos roubados, mais, subservientes, incapazes, despreparados, lacaios do poder tudo que sabem fazer é abanar a cabeça, quando isso possa significar dinheiro em seus bolsos (visto que não têm rabos se os tivesse, abanariam. Cargos adquiridos na troca de R$30,00 antes e R$30,00 depois), mesmo que isso possibilitasse um assalto ao bolso do trabalhador, seu verdadeiro patrão.
    Como são escravos da ganância e do poder, vende seus ideais, caráter e honra, em troca de trinta dinheiros, desprezam e fazem pouco dos que com o voto lhes deram o aval para representá-los.
    A outra deixará clara a parcialidade e ou a inoperância dos órgãos ligados ao poder executivo (não querendo dizer que o executivo, a pessoa, que ajudei com meu humilde trabalho de campo a eleger por duas vezes) tenha conhecimento da fragilidade de seus órgãos fiscalizadores quando o erro envolve dinheiro, se tiver, que seja jogado á lama como os que desvirtuam e maculam a sagrada honra de representar um povo.
    Mais uma vez seguindo as ordens do agente/soldado/membro da Guarda Municipal, que me mandou, dizer a quem quisesse, estou seguindo à risca visto que apesar de haver tentado se agraciado com um pouco de atenção dos responsáveis pelas áreas questionadas, nenhuma resposta obtive, apesar de ter possibilitado análise para uma resposta clara e convincente.
    Deixo a todos que se julgarem injustamente agredidos em seus direitos a respostas, contestações e comprovações que “eu” tenha acusado ou questionado injustamente.

    ResponderExcluir
  3. Estarei aguardando ancioso. Espero que tenha peso suficiente para pelo menos esmagar o dedão do pé (para não querer o pior) de alguns deles.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.