segunda-feira, 22 de novembro de 2010

LÁ ELEGERAM TIRIRICA, AQUI O POVO FEZ QUESTÃO EM REELEGER OS MAIS SUJOS.

Agora vem o melhor, trabalhar para sustentar uma cambada de ladrão.

513 deputados e 81 senadores, que iniciarão seu mandato em fevereiro próximo, já começaram a 'trabalhar'... a favor do reajuste de seus próprios subísidios. Sairá do cofre público, ou seja, do nosso bolso, mais R$ 180 milhões por ano a mais que os já abusivos
R$ 7,4 BILHÕES previstos para 2011. A discussão sobre o aumento deve ser feita até o final deste .
"Há pressão forte dos parlamentares para que haja equiparação dos salários do Legislativo e do Executivo aos vencimentos dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF)..." "Atualmente os ministros do STF recebem R$ 26,7 mil, mas já há no Congresso proposta de novo aumento salarial que elevaria os salários destes ministros para R$ 30,6 mil".
Tempos atrás até que se pagava alto mais se podia confiar, hoje o Supremo não passa de um quintal do planalto.
Parlamentares que assinam os projetos de lei às pressas, de maneira desleixada e irresponsãvel pelo caminho onde passam, sem ir até seu local de 'trabalho' na Câmera, sem ler e, portanto, sem saber exatamente do que se trata, receberão aproximadamente, EM UM ÚNICO MES, 45 vezes um salário minimo de 560,00 (caso seja reajustado para este valor). Isso corresponde a receber POR MES a quantia equivalente a 3,75 anos (QUASE QUATRO ANOS) de suor de um trabalhador que ganha salário mínimo. O mesmo trabalhador que os elege e paga para que riam de sua cara.
Puteiro Nacional - JC
Fato verídico foi a aprovação da lei para supressão da área de mangue (de preservação pernamente), para construção da vicinal Pontezinha - Barra de Jangada (A lei: Apenas quando se esgotarem todas as possibilidades, forem vistas e comprovadamente não houver outra alternativa áreas de preservação penamente poderão ser suprimidas) Para construção dessa estrada pelo menos quatro outras opções foram apresentadas tento por cidadãos quanto por entidades ligadas ao meio ambiente, todas descartadas.
Os deputados pernambucanos assinaram (aprovaram) sem ler a lei que autoriza a supressão.
Enquanto isso nos trabalhamos feito animais para sustentar uma leva de corruptos. 
A cada dia a classe política mais se enfia na lama do despudor, da corrupção, da falta de ética.
A classe hoje é sinônimo de corja, todo malandro, safado, ladrão, vigarista quer ser vereador, deputado, senador, governador e como estamos no Brasil, presidente. 
O povo brasileiro merece, afinal não se elege um ladrão porque este dá R$ 30,00 antes e mais R$30,00 se ganhar?
     












Qual será, mesmo, o motivo

para os políticos não se preocuparem

com instrução ao povo brasileiro?‎

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.